What’s your biggest regret in life? One thousand two hundred older Americans were asked that question and their response surprised everyone. John is right. Not only does stress not solve anything, the majority of our worries are baseless. According to studies, the majority of the things we fear never happen. The remainder could be solved easily. It means that the things we worry about are due to our own creativity of doom and gloom.

Factor de stress

A ironia é que o "stress" é uma parte intrínseca do nosso ser humano. Está construído em nós como um meio de sobrevivência. Sem ele, nunca poderíamos evoluir para o que somos agora. Mas muito disso é desperdício e insalubre. Pode deixar-nos doentes. Excepto por alguns, já experimentei tudo isto porque costumava preocupar-me muito. Em casos mais graves, eu até... of . The years have mellowed me down a little bit.

Ser velho tem as suas próprias recompensas. Eu ainda tenho preocupações (eles nunca vão embora) mas são muito menos agora do que há alguns anos atrás. Não só isso. Agora eu posso lidar melhor com elas recitando um Escolhi algures na Internet. Digo isso quando acordo de manhã, quando vou para a cama à noite e em qualquer lugar no meio, quando sinto que a preocupação está me rastejando. E funciona. Leva o meu off my and gives me that things will turn out for the best, they always do.

Tenha em mente

Try it if you’re a constant worrier. But having a mantra isn’t doing you any good if you do not know what concerns you, and how to deal with it. The key word is”think.” Psychology, however, teaches that ideas, feelings and feelings are often tricks of a hyperactive mind. If you are concerned about what tomorrow will bring, concentrate on the moment. Live your life to the fullest now. Can any of you by worrying a single hour to your life? Therefore don’t worry about tomorrow, for tomorrow will worry about itself.

Em vez de se matar com estresse, entenda exatamente com o que você está preocupado e suas conseqüências caso ocorra. Pense em contingências únicas para cada resultado provável do que você está preocupado. Certifique-se de cobrir todas as bases para que você esteja bem preparado para lidar com isso caso ocorra. Quando estiver completo, mantenha sua mente longe disso. Saia, dê um passeio, veja um filme ou um grande sorvete.

Há uns anos atrás, um sócio disse-me que o nosso Director de RH tinha um problema comigo. Qualquer pessoa que aspire a uma promoção sabe como é mau ter a ira do Gestor de Recursos Humanos. Quando me apresentei para trabalhar no dia seguinte, a primeira coisa que fiz foi invadir o escritório dele e perguntar-lhe em branco, porque é que eu o chateava. Isso pôs-o na defensiva. Ele escapou da minha pergunta com uma grande quantidade de mentiras, enterrando-se ainda mais na sua própria merda.

Conclusão

What I did, did not make him any better, but it made him realize that I understand his thoughts about me and could treat my career ambitions very carefully. So if you’re worried about someone or something, get in the offensive and discover why. I bet you, you may come out with a massive grin on your face in your audacity, and of knowing that your nervousness is baseless. To this day I could never remember any of my million worries happening. If some did, the consequences weren’t that good to make me lose any sleep.